Igreja

Santo Condestável

Santo Condestável

Descrição

Edificada ao gosto revivalista neogótico de acordo com o projecto de Vasco Morais Palmeira, a Igreja do Santo Condestável, São Nuno de Santa Maria, foi sagrada em 1951. Na fachada principal, destacam-se o brasão de armas reais da segunda dinastia e, no portal, o grupo escultórico de Leopoldo Almeida, com a figuração de São Nuno ladeado por anjos e as imagens de Nossa Senhora do Carmo e São Jorge. No interior, os vitrais são de Almada Negreiros, o fresco da capela-mor representando a glorificação de Nuno Álvares Pereira é de Portela Júnior e, sob o altar, o túmulo contendo as relíquias do patrono é da autoria de Domingos Soares Branco.

Siga-nos

Siga-nos nas redes sociais